Seguro

domingo, 5 de maio de 2013

Viajar pelo Brasil ou para o exterior ? O que custa menos ?

Praias no Ceará ou em Aruba ? Igrejas em Salvador ou Vaticano ? Para aqueles que costumam pesquisar, a resposta é imediata: viajar para fora é muito mais barato. Esse é o tema de uma matéria que foi publicada hoje pela Folha de São Paulo e que você pode ler no link abaixo.

Quem tiver a curiosidade de passar umas horinhas na ala de desembarque do aeroporto de Guarulhos assistirá um verdadeiro desfile de malas gigantes abarrotadas de compras. Também, pudera, lá fora tudo custa, pelo menos, a metade do preço daqui. E graças a essas compras a balança comercial brasileira ficou bem zoada nestes últimos meses.

A reportagem da Folha mostra dois casos: o de uma brasileira que pretendia passar uma semana na Bahia, mas acabou viajando para a República Dominicana. O outro é o de um alemão que pretendia visitar familiares no Brasil mas, devido aos altos custos, viajou de férias para a Turquia. Recentemente meu sobrinho veio ao Brasil visitar a família e apresentar a sua esposa irlandesa. Ele ficou fora do país por dois anos e já nas primeiras horas em nossa pátria mãe gentil - e cara - se chocou com o preço de tudo. Da comida às roupas.

"O custo Brasil é inviável para o turista médio internacional", diz o professor Mario Carlos Beni, para quem os valores desencorajam até mesmo quem tem renda em euros, libras ou ienes, moedas mais valorizadas. "Não é só a passagem aérea, mas o hotel e os serviços também."

Como já sabemos que os preços dos hotéis, comida, passeios, passagens aéreas não cairão tão cedo, a solução encontrada pela Embratur foi a de abrir 13 escritórios no exterior para promover o turismo no Brasil. Essa solução merece a mesma pergunta feita pelo jogador Garrincha ao técnico da seleção brasileira antes de um jogo contra a Rússia. Na ocasião, o técnico se esforçava para mostrar como o Brasil jogaria, as estratégias, etc. Ele olhou para o técnico e disse: "já combinaram com os russos sobre isso tudo ?"

http://www1.folha.uol.com.br/mercado/2013/05/1273528-precos-de-pacotes-limitam-a-visita-de-turistas-e-ate-de-brasileiros.shtml