Seguro

sábado, 24 de novembro de 2012

Empreendimentos rurais são destinos turísticos em alta

Cânion Fortaleza: uma das atrações do Rio Grande do Sul

Casas de pedra encravadas em uma paisagem bucólica repleta de araucárias - a árvore típica do Sul do Brasil - conduzem o turista a uma viagem até os tempos dos primeiros colonos italianos que chegaram a essa região do país a partir de 1875. 
Assim é Caminhos de Pedra, em Bento Gonçalves (RS), cidade serrana distante aproximadamente 95 km da capital gaúcha, um dos 13 destinos turísticos rurais mais bem estruturados do país e explorados essencialmente por micro e pequenas empresas (MPE). Esses destinos foram identificados dentro do Projeto Talentos do Brasil Rural, desenvolvido pelo Sebrae em parceria com os ministérios do Desenvolvimento Agrário (MDA) e do Turismo (MTur), e que  apoia empreendimentos da agricultura familiar, povos e comunidades tradicionais das cinco regiões brasileiras.
Segundo a analista do Sebrae, Sylvia Pinheiro Gonçalves, os empreendimentos foram escolhidos após seleção pública, levando-se em conta a qualidade de todos os serviços ofertados. “São estabelecimentos que já apresentam condições de hospedagem e alimentação que encantam o turista e ao menos o inglês como idioma alternativo”, explica. Além do Caminhos de Pedra, o Rio Grande do Sul participa da lista com outros quatro destinos turísticos rurais. São Paulo, Rio de Janeiro, Paraná, Minas Gerais, Alagoas, Paraíba, Bahia e Goiás são os demais estados a figurar na lista, com um destino cada.
A atratividade e qualidade desses destinos podem ser conhecidas de perto pelos potenciais turistas que visitarem a feira do 24º Festival de Turismo de Gramado (RS),que acontece de 22 a 25 de novembro, na cidade gaúcha. Cada um dos locais de interesse turístico selecionados será apresentado em um espaço individual dentro do estande do Sebrae, que foi batizado como Talentos Rurais e terá cem metros quadrados de área.
O atendimento aos interessados será feito diretamente pelo empreendedor, com auxílio de um operador de turismo que já vende o produto ofertado. “É importante destacar que os empreendimentos já são comercializados como destino turístico”, destaca Vânia Fernandes, gerente do projeto Talentos do Brasil Rural do Sebrae no Rio Grande do Sul. Além dos destinos turísticos, o Projeto Talentos do Brasil Rural trabalha com três outros eixos: amenities, artesanato e alimentos e bebidas.
Fonte: www.jornaldeturismo.tur.br