Seguro

domingo, 13 de fevereiro de 2011

Um visual privilegiado.

Alta... muito alta e iluminada.
Quando cheguei à Paris, um dos primeiros lugares que visitei foi a Torre Eiffel, o maior cartão da França. Decidi que subiria na torre à noite, afinal, Paris é conhecida como a Cidade-Luz e eu precisava checar se essa informação era verdadeira
Não errei na decisão. Apesar da fila e do frio, visitar o topo da Torre Eiffel à noite é uma experiência única.
A fila é um show à parte: turistas de todas as nacionalidades fotografam cada detalhe do gigante de ferro.
Aos poucos, os elevadores vão lotando e levando o povo pra cima.
Do alto, Paris é um show de luzes que impressiona qualquer um. Lentamente, você vai identificando os pontos principais da cidade como o Arco do Triunfo, o Hotel des Invalides, as igrejas, o Museu do Louvre, o Rio Sena e seus barcos, os jardins, enfim, luzes de todas as cores montam um mosaíco de fazer qualquer ser humano ficar de queixo caído.
A subida custa 11,40 euros e os elevadores levam cerca de 5 minutos para chegar ao topo, com uma rápida paradinha no restaurante. Você pode optar por subir até a metade, com um custo de 8,10 euros. Subir pela metade ou inteira, a experiência deve ser realizada por todos que visitarem essa cidade.

P.S. Se quiser dar uma de magnata, no topo da torre tem um bar que vende a champagne e as taça. Taí uma idéia para agradar a patroa...